Delegado que investigou Ricardo Salles grava música pró-Amazônia; ouça

O delegado Alexandre Saraiva, que em abril apresentou uma notícia-crime contra Ricardo Salles, lançará nesta sexta-feira (17/9) uma música em que exalta a Amazônia e defende que ninguém venderá a floresta.

“Se a terra sangrar / se o fogo arder / não vou descansar / ninguém vai vender / ipê, azulão / tupã, cambará / ninguém vai vender / meu chão, meu lugar”, diz um trecho da canção.

Outro diz: “Não se vende a luz do dia / a decência, a devoção / nem o ar que se respira / não se vende uma nação”.

A música estará disponível no Spotify e foi escrita por Cristina Saraiva, com voz de Saraiva e Simone Guimarães.

Saraiva foi superintendente da PF no Amazonas. Após ser afastado, foi transferido para a delegacia de Volta Redonda, no Rio.

Na notícia-crime enviada ao STF, o delegado afirmou que Salles e o senador Telmário Motta “dificultam a ação fiscalizadora do Poder Público no trato de questões ambientais, assim como patrocinam, direta, interesses privados (de madeireiros) e ilegítimos perante a administração pública”.

O post Delegado que investigou Ricardo Salles grava música pró-Amazônia; ouça apareceu primeiro em Metrópoles.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.