Entidade pede investigação de falta de registros no sistema de vacinação contra a Covid-19 em SC

Ação civil
Elogiável a iniciativa da Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Saúde de SC de sugerir ao Ministério Público a abertura de ação civil para identificar e responsabilizar quase 300 mil pessoas ainda não registradas com o esquema vacinal completo da covid-19 no Estado. Não se vacinaram 71 mil que receberam a primeira dose da Pfizer, 78 mil da Coronavac e 78 mil da Astrazeneca. A entidade sugere não só investigar as pessoas que não compareceram, mas identificar quais municípios que não estão vacinando ou não estão registrando as aplicações. Sem o esquema vacinal completo, todos ficam suscetíveis ao vírus.

Para 2022
O concordiense Luiz Fernando Furlan, ex-ministro de Lula, faz parte do cada vez mais influente grupo Parlatório S/A, formado por empresários, economistas e juristas de movimento idealizado para ouvir diferentes projetos à sucessão presidencial em 2022. O movimento aposta no surgimento de uma terceira via, sem Lula e Bolsonaro no páreo.

Alheamento
Há pelo menos 10 anos fala-se (e alerta-se quanto às funestas consequências atuais e futuras) do aquecimento global ou mudanças do clima. E dos 27 estados brasileiros apenas cinco (e SC está fora desta lista) têm metas de redução de emissões de gases de efeito estufa. Isso às portas da mais importante reunião do clima, a COP 26, em novembro, na Escócia. O Brasil vai passar mais um vexame.

Em perigo
Desde que alçado a vice-líder do governo no Senado, o senador Jorginho Mello (PL-SC) passou a ser vitrine. Um exemplo desta exposição: a advogada Thais Amaral Moura, que trabalhava como assessora no Palácio do Planalto, responsável por redigir requerimentos apresentados, no início dos trabalhos da CPI da Covid, por governistas, como Jorginho, entrou na lista, por esta atuação, de possíveis convocados e teve a quebra de seu sigilo fiscal pedido por opositores.

Afinidades
Só as vaidades pessoais – que foi empecilho em passado recente – podem impedir o alinhamento total, desde já, entre três dos principais caciques do PP em SC para a sucessão de Carlos Moisés. O senador Esperidião Amin, o ex-deputado federal Jorge Boeira e o prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli, se posicionam como pré-candidatos com o compromisso de, definido um, os outros dois apoiarem incondicionalmente. A conferir.

Barulho
Ante de deixar o cargo de deputado estadual, dia 18, que ocupou por dois meses com a licença de 30 dias do seu titular, Coronel Mocellin (PSL), o suplente, Tiago Frigo, quer deixar sua marca com um projeto estabelecendo um tempo limitado para o mandato dos conselheiros do Tribunal de Contas do Estado. Como se sabe, a escolha, hoje, é política. Recai, quase sempre, depois de muitas e teatrais combinações, sobre ex-deputados ou ex-prefeitos.

Evasão
A busca ativa dos cerca de 13 mil estudantes do ensino médio que se evadiram das escolas públicas de SC na pandemia, e assim permanecem, pode ser aliviada com a concessão de bolsas de estudos. Esse foi o principal encaminhamento dado ao final de audiência pública, na Assembleia Legislativa, segunda-feira.

Horror, horror
Um julgamento em Blumenau revelou uma insanidade humana inominável. A 1ª Vara Criminal da comarca condenou a 37 anos de reclusão uma mulher que submetia à prostituição a filha, de oito anos, promovendo e facilitando encontros com um idoso, também condenado a 24 anos. Ele pagava em espécie ou comprava alimentos, gás, roupas, presentes e outros objetos para a mãe da vítima. Ele fazia sexo com a criança sem o uso de preservativos, na residência da vítima, enquanto a mãe aguardava o ato.

Juarez, em casa
Diretor artístico do Instituto Internacional Juarez Machado, de Joinville, e responsável pela realização de exposições e eventos culturais e educacionais da instituição, Edson Machado anuncia a retomada da programação pós-pandemia, com uma exposição que abre neste sábado, do consagrado irmão Juarez, que se encontra em Paris, onde reside e mantém seu ateliê. O artista ainda celebra seus 80 anos, completados em março, com a mostra de desenhos e pinturas “J´aime le drame, mais pas la tragédie” (gosto do drama, mas não da Tragédia, em livre tradução.

Não precisa
Foi rejeitado na Câmara dos Deputados um projeto que isentava de contribuições sociais (PIS/Pasep e Cofins) os aparelhos de ar-condicionado adquiridos por escolas públicas. Alegou-se que “as instituições públicas de ensino têm outras necessidades de infraestrutura, mais básicas e urgentes”.

The post Entidade pede investigação de falta de registros no sistema de vacinação contra a Covid-19 em SC appeared first on O Município.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.