Ibovespa fecha em alta após Bolsonaro amenizar tom

SÃO PAULO (Reuters) – O Ibovespa fechou em alta nesta quinta-feira, reagindo fortemente na última meia hora do pregão após o presidente Jair Bolsonaro amenizar o tom em nota oficial, na qual afirmou respeito pelas instituições da República.

Antes da nota, a bolsa paulista ainda se mostrava fragilizada pelo agravamento da tensão institucional após declarações de Bolsonaro no Dia da Independência, bem como mais uma dado forte de inflação e a mobilização de caminhoneiros, que somavam-se a um rol de adversidades que tem minado a bolsa.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa subiu 1,66%, a 115.291,36 pontos, de acordo com dados preliminares, chegando a 116.353,62 no melhor momento do dia. Na mínima da sessão, recuou a 112.435,11 pontos.

O volume financeiro somava 35,9 bilhões de reais.

Na véspera, o Ibovespa afundou quase 4% após declarações de Bolsonaro em manifestações na terça-feira, quando voltou a atacar ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e ameaçou descumprir ordens judiciais.

Nesta quinta-feira, ele disse que nunca teve a intenção de agredir quaisquer dos Poderes e que as pessoas que exercem o poder não têm o direito de “esticar a corda” a ponto de prejudicar a vida dos brasileiros e sua economia.

A nota foi publicada após Bolsonaro ter se reunido com o ex-presidente Michel Temer em Brasília.

(Por Paula Arend Laier)

O post Ibovespa fecha em alta após Bolsonaro amenizar tom apareceu primeiro em ISTOÉ DINHEIRO.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.