Policial militar de folga morre após troca de tiros em Chapecó


Márcio Antônio de Mello foi baleado após uma briga de trânsito envolvendo os familiares. O suspeito de efetuar os disparos e a mãe dele também ficaram feridos. Policial foi baleado durante confronto em Chapecó
PMSC/ Divulgação
Um policial militar, de 46 anos, morreu neste domingo (12) em Chapecó, no Oeste catarinense. Márcio Antônio de Mello foi baleado na tarde de sábado (11) durante uma troca de tiros, que ocorreu após uma briga de trânsito. O suspeito de efetuar os disparos e a mãe dele também ficaram feridos.
Segundo a Polícia Militar, o sargento estava de folga e teria recebido informações de que os familiares estavam sendo agredidos depois de um acidente de trânsito no bairro Efapi. Ele foi prestar socorro e verificou que o suspeito estava fugindo.
O policial seguiu com uma caminhonete o suspeito até uma residência. No local, houve um confronto e três pessoas foram atingidas pelos disparos.
Mello sofreu ferimentos na região do tórax e no braço direito. Um bombeiro militar e um médico de folga viram o veículo do sargento indo em direção à base de atendimento e pararam para prestar os primeiros socorros.
Depois, o policial foi encaminhado para o Hospital Regional do Oeste onde passou por procedimento cirúrgico, mas não resistiu. A morte foi confirmada pelo 2º Batalhão de Polícia Militar de Fronteira.
O estado de saúde do suspeito e da mãe dele não foi divulgado. Segundo o delegado Regional de Chapecó, Ricardo Casagrande, o homem tem passagens policiais e ficou preso entre fevereiro e maio de 2020 por tráfico de drogas. Ele foi autuado em flagrante por homicídio.
O corpo do sargento foi velado na capela da Funerária Wolff, no bairro Jardim Itália. Uma celebração de despedida foi realizada às 11h30 deste domingo e o enterro será no município de Caxambu do Sul, às 17h.
VÍDEOS: Mais assistidos do G1 SC nos últimos 7 dias
Veja mais notícias do estado no G1 SC
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.