Renan quer que Lira tenha prazo para decidir sobre impeachment diante do relatório final da CPI

O senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da Covid, quer que o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), após receber o relatório final da comissão, tenha um prazo para decidir sobre pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro.
O presidente da Câmara é o responsável por analisar pedidos de impeachment e dar prosseguimento ou arquivar. Hoje, há mais de 120 pedidos na fila, mas Lira não analisou nenhum.
A ideia de Renan é, junto com o relatório final da CPI, apresentar uma proposta estabelecendo o prazo.
A proposta de Renan valeria para o caso de o relatório final da CPI apontar crime de responsabilidade de Bolsonaro, hipótese em que a Constituição prevê impeachment do presidente da República.
“Precisamos colocar algumas regras para que a Câmara observe um prazo para decidir se é a favor ou contra o relatório geral da CPI”, explicou Renan.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.