Tasso admite pela 1ª vez que não disputará reeleição ao Senado em 2022

O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) admitiu pela primeira vez, nesta terça-feira (14/9), que não pretende disputar reeleição para o Senado nas eleições de 2022.

“Não vou disputar. Estou com 72 anos, quero ficar com minha família, com meus netos. Tem uma hora que a gente tem que parar”, disse o tucano à coluna.

O senador cearense tem se apresentado como pré-candidato nas prévias em que o PSDB escolherá o candidato do partido à Presidência da República.

À coluna, o parlamentar disse que conversa com caciques tucanos e que pretende anunciar nas próximas semanas se vai disputar mesmo as prévias.

Nos bastidores, a expectativa entre os tucanos é de que Tasso desista da disputa para apoiar o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB).

Em 2022, Tasso encerrará seu segundo mandato no Senado. Antes disso, o tucano foi por três vezes governador do Ceará, seu reduto político-eleitoral.

Outro tucano que não deve disputar reeleição ao Senado é José Serra (PSDB-SP). Em agosto, ele tirou licença da Casa por quarto meses, após ser diagnosticado com Parkinson.

O post Tasso admite pela 1ª vez que não disputará reeleição ao Senado em 2022 apareceu primeiro em Metrópoles.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.