Escritório dos EUA em BH não vai mais emitir vistos

O Departamento de Estado dos Estados Unidos decidiu encerrar as atividades do Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV), em Belo Horizonte, em 14 de setembro. Depois dessa data, os serviços vão ser oferecidos na Embaixada em Brasília ou nos Consulados-gerais no Rio de Janeiro, São Paulo, Recife e Porto Alegre.

Em nota, a Embaixada dos Estados Unidos diz que esta iniciativa é uma das medidas para “padronizar os serviços de vistos e atender os solicitantes de visto de maneira mais eficaz na embaixada e nos consulados”.  O Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto em BH, servia apenas para completar a parte biométrica antes das entrevistas.

E é esse serviço que deixa de ser oferecido na capital mineira. O escritório da Embaixada dos EUA em Belo Horizonte vai ser mantido e continua a promover intercâmbios educacionais, culturais e profissionais. E ainda vai manter o comércio entre os Estados Unidos e Minas Gerais. Oficiais consulares também vão estar no estado para casos de emergência, para oferecer serviços consulares aos cidadãos norte-americanos.

O serviço de entrevistas rotineiras de vistos já estava paralisado e sem data para retomada devido à pandemia do novo coronavírus. Além disso, em maio, o presidente do EUA, Donald Trump, suspendeu a entrada no país de brasileiros e viajantes que estiveram no Brasil, devido aos alto números de COVID-19 registrados.  * Estagiária sob supervisão da subeditora Ellen Cristie.

O que é o coronavírus

Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.