Ex-segurança de Nem da Rocinha, professor de artes marciais é preso acusado por homicídio

Policiais civis da Delegacia de Homicídios da Capital prenderam o homem acusado de participar da morte de Marcelo Oliveira de França, em junho de 2017, no Cachambi, na Zona Norte do Rio. Ex-segurança de Nem da Rocinha e professor de artes marciais Jorge Luis de Oliveira, de 36 anos, foi encontrado na manhã desta quinta-feira em Três Rios, interior do estado. Ele é indiciado por ter disparado três vezes na cabeça da vítima, segundo apontaram as investigações.

Jorge foi segurança do traficante Nem da Rocinha e chegou a ser preso, em setembro de 2010. Na época, ele tinha dois mandados de prisão expedindo, um por tráfico de drogas e outro por roubo. Após ser liberado, PQD (apelido herdado no Exército, de onde desertou) passou a dar aulas de boxe, há pelo menos oito anos.

Já haviam sido presos Bruno da Rocha Barbosa, apontado por também participar da execução do crime, e Mário Luís dos Santos Dallio, que seria o mandante. Segundo as investigações, Mário Luís pediu pela morte de Marcelo para que ficasse com a propriedade integral do Bar do França, estabelecimento o qual eram sócios.

O assassinato ocorreu no bar em 15 de junho de 2017, um dia após a morte do contraventor Haylton Escafura num hotel na Barra da Tijuca. Ainda é investigada a ligação das duas vítimas, que eram amigas, com a hipótese de Marcelo trabalhar na contabilidade de Haylton.

Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.