Laboratório de Joinville pode fazer testes do Coronavírus

A Prefeitura de Joinville, por meio da Secretaria da Saúde (SES), adquiriu 60 mil novas unidades de testes rápidos para diagnóstico da Covid-19. O investimento na compra foi de R$ 769.200,00, com recursos do município.

Já nesta semana, os novos exames serão distribuídos para o Centro de Triagem e para o Centro de Tratamento Precoce para Covid-19, para as Unidades Básicas de Saúde (UBS), para os Pronto Atendimento (PAs) e hospitais.

Desde o início da pandemia, a Secretaria da Saúde de Joinville já realizou mais de 55 mil testes, adquiridos com recursos do município e do governo do Estado, por meio do Laboratório Central de Santa Catarina (LACEN/SC).

Novas orientações 

A partir desta quinta-feira (20/8), a realização dos testes para diagnóstico da Covid-19, em Joinville, vai seguir as orientações da Nota Técnica 018/2020, elaborada pela Secretaria de Saúde do município, de acordo com diretrizes de órgãos federais e do Estado de Santa Catarina.

De acordo com a nova Nota Técnica, o exame para diagnóstico da Covid-19 é indicado prioritariamente para indivíduos com quadro de síndrome gripal (sensação febril ou febre, acompanhada de tosse e/ou dificuldade para respirar e/ou dor de garganta e/ou coriza e/ou perda ou redução do olfato), pertencentes a grupos considerados de risco.

Esses grupos são formados por: profissionais de saúde e que atuam em instituições de saúde com atendimento direto a pacientes; profissional das forças de segurança e/ou salvamento; pessoas residentes em Instituições de Longa Permanência (lar de idosos, orfanatos, pessoas privadas de liberdade); indivíduos residentes em mesmo domicílio que profissionais de saúde.

Além de indivíduos que fazem parte dos grupos de risco, pessoas que apresentarem sintomas de síndrome gripal também serão avaliadas pelo médico e poderão ser encaminhadas para o exame de diagnóstico da Covid-19, caso preencham os critérios técnicos estabelecidos.

Ainda de acordo com a Nota Técnica 018/2020 e conforme orientação do Ministério da Saúde (MS), os testes rápidos não são recomendados para pessoas assintomáticas.

Em relação ao afastamento de pacientes com suspeita da doença, a mudança é que o atestado médico passa de 14 (catorze) para 10 (dez) dias.

Além disso, pessoas com suspeita da Covid-19, mesmo com resultado negativo, devem cumprir 10 dias de isolamento e retornar às atividades laborais apenas depois de permanecer assintomática pelo período de 24 horas.

Onde buscar atendimento 

Em Joinville, indivíduos com sintomas leves da Covid-19, como mal-estar, coriza, tosse, espirro, dor de cabeça, perda de olfato e paladar, devem permanecer em casa e manter o distanciamento social.  Outra opção é agendar o atendimento no Centro de Tratamento Precoce para Covid-19, por meio do site da Prefeitura de Joinville.

Para casos de febre a partir de 37,5º e presença de um ou mais sintomas gripais (mal estar, coriza, tosse, espirro, dor de cabeça, perda de olfato e paladar), a orientação é entrar em contato pelo Ligue-Saúde e Web-Saúde, pelo telefone (47) 3481-5165, de segunda a sexta-feira, das 7h às 20h.

Ou, ainda, procurar uma das Unidades Básicas de Saúde (UBS) designadas como sentinelas, nas regiões dos Distritos Norte, Centro e Sul, bem como no Centro de Triagem instalado na Sociedade Atlética Tupy (rua Helmuth Fallgater, 5603, bairro Boa Vista).

Já as pessoas com os mesmos sintomas já relatados, associados a febre alta, a partir de 38,5º, devem procurar a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Leste, UPA Sul, Pronto Atendimento do Hospital Bethesda ou, ainda, acionar o Samu pelo telefone 192.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.