Mulher é morta a facadas horas após pedir medida protetiva contra companheiro no Piauí


Segundo a polícia, a vítima procurou a delegacia na manhã de sábado (21) e registrou boletim de ocorrência solicitando proteção contra o companheiro. Horas depois, ela foi morta e o homem preso como suspeito do crime. Delegacia de Polícia da cidade de Oeiras
Patrícia Andrade/G1
Francisca Ferreira dos Santos, 42 anos, foi morta com pelo menos oito facadas na noite de sábado (21), em Oeiras, Sul do Piauí. De acordo com a Polícia Militar (PM), horas antes, a vítima havia registrado um Boletim de Ocorrência (BO) solicitando medida protetiva contra o suspeito.
“O suspeito é casado e tinha uma relação extraconjugal com a vítima, mas parece que a mulher não queria mais ele. Ela procurou a delegacia pela manhã e pediu essa medida protetiva de urgência, quando foi à noite ela foi morta”, informou o major Antônio Santos, subcomandante do 14º Batalhão da PM.
A polícia foi acionada por volta das 20h e encontrou Francisca dos Santos agonizando na rua. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas a vítima não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu antes da chegada dos socorristas.
O local foi isolado e a Polícia Civil realizou a perícia e os procedimentos iniciais para a investigação do crime. Em seguida, o corpo foi recolhido e encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) em Floriano.
A PM conseguiu localizar o suspeito e efetuou a prisão em flagrante. O homem foi conduzido para a delegacia para os procedimentos cabíveis.
O caso será investigado pela Polícia Civil e o suspeito pode responder por feminicídio, homicídio qualificado quando o assassinato envolve violência doméstica, menosprezo ou discriminação à condição de mulher da vítima.
VÍDEOS: veja as notícias mais vistas do G1 Piauí
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.