Número de mortos por explosão em Beirute sobe para mais de 50

O número de mortos resultado de uma grande explosão em Beirute nesta terça-feira (4), aumentou para mais de 50, e mais de 2.700 pessoas ficaram feridas, informou o ministro da saúde do Líbano, Hamad Hasssan, em comentários televisionados.

O ministro havia dito, anteriormente, que mais de 25 pessoas tinham morrido e mais de 2.500 estavam feridas.

Responsáveis pela explosão pagarão o preço, diz Premiê do Líbano 

O primeiro ministro do Líbano, Hassan Diab, disse que os responsáveis ​​pela explosão no armazém “perigoso” na área portuária de Beirute, que abalou vários pontos da capital libanesa, vão pagar ou preço.

“Eu prometo a você que essa catástrofe não passará sem responsabilidade. Os responsáveis pagarão ou preço”, disse ele em um discurso televisivo.

Uma grande explosão atingiu a região portuária de Beirute deixando muitas pessoas feridas ao provocar o desabamento de sacadas e quebrar janelas com seu forte impacto, disseram testemunhas.

A agência de notícias estatal libanesa NNA e duas fontes da área de segurança disseram que a explosão ocorreu em uma área portuária, onde existem armazéns que abrigam explosivos. Ainda não há informações sobre o que causou a explosão ou que tipo de explosivos estavam nos armazéns.

“Vi uma bola de fogo e fumaça subindo sobre Beirute. Pessoas estavam gritando e correndo, sangrando. Sacadas foram arrancadas de edifícios. O vidro dos prédios se partiu e caiu nas ruas”, disse uma das testemunhas.

Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.