Órgãos respondem ao Ministério Público sobre novo coronavírus

Após solicitação do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), a Secretaria de Saúde do Estado e do Município de Florianópolis e a administração do Aeroporto Internacional de Florianópolis enviaram informações sobre as providências que estão sendo adotadas para detecção, acompanhamento e controle da transmissão do novo coronavírus.

O requerimento faz parte de procedimento administrativo instaurado pelo Promotor de Justiça Luciano Trierweiller Naschenweng, titular da 33ª PJ da Capital. A Promotoria permanecerá acompanhando a questão e o procedimento continuará em aberto até que a situação do coronavírus se estabilize.

Em sua resposta, a Secretaria de Estado da Saúde apresentou plano de contingência detalhado e nota informativa com recomendações gerais e de conduta logística que foram enviadas aos estabelecimentos de assistência em saúde.

Já a Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis informou que a situação epidemiológica vem sendo monitorada e que, entre outras ações, repassou orientações sobre fluxo de atendimento e recomendações para todos os serviços de saúde do município.

A Concessionária do Aeroporto Internacional de Florianópolis, por sua vez, confirmou que está seguindo todas as orientações emitidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Entre os procedimentos adotados estão, por exemplo, a colocação de informativos visuais e anúncios sonoros em diversos idiomas sobre o coronavírus e a disponibilização de álcool gel em áreas estratégicas, com grande circulação de passageiros.

Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.